PUB

Município de Olhão entrega mais de 750 cabazes a famílias carenciadas

A partir da próxima segunda-feira, 19 de dezembro, a Câmara de Olhão começa a distribuir os habituais cabazes de Natal às famílias mais carenciadas do concelho. O presidente da autarquia Francisco Leal faz a entrega simbólica de alguns bens alimentares nesse dia, a partir das 11h00, no Centros Comunitários da Cavalinha e Bairro 28 de Setembro.

A partir da próxima segunda-feira, 19 de dezembro, a Câmara de Olhão começa a distribuir os habituais cabazes de Natal às famílias mais carenciadas do concelho. O presidente da autarquia Francisco Leal faz a entrega simbólica de alguns bens alimentares nesse dia, a partir das 11h00, no Centros Comunitários da Cavalinha e Bairro 28 de setembro.

Mais de 750 cabazes alimentares serão oferecidos pelo município neste Natal às famílias com maiores dificuldades económicas, através das instituições particulares de solidariedade social (IPSS) do concelho. No saco encontrarão massa, farinha, arroz, açúcar, leite, grão, feijão, atum, salsichas, óleo, azeite, cereais e bolachas.

Em todo o concelho, instituições como a Associação Cultural e de Apoio Social de Olhão (ACASO), Vida Abundante, Casa do Povo de Moncarapacho, Cruz Vermelha Portuguesa (delegações de Olhão, Moncarapacho e Fuseta), Grupo de Bem Fazer Celeiro de Amor, Santa Casa da Misericórdia de Moncarapacho, Sociedade São Vicente de Paulo – Conferências de Quelfes, Siroco e Olhão, distribuem aos respetivos inscritos estes cabazes.

Mas a dádiva para quem mais precisa não se cinge ao Natal; todos os meses são distribuídos cerca de 500 cabazes aos mais necessitados do concelho. Este ano, desde maio já foram distribuídos cerca de 4.500.

Serão distribuídos ainda cerca de um milhar de cabazes aos funcionários da autarquia, através do Centro de Cultura e Desporto do Município de Olhão, na habitual Festa de Natal.

Comentários
PUB

Veja também

IRS – Instituições de Solidariedade Social em Olhão – 2021

Ao preencher o IRS cada cidadão pode decidir que 0,5% do valor de imposto apurado …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

PUB