PUB

Município de Olhão é parceiro no projeto SER Mental desenvolvido pela MOJU

No dia em que se comemora o 30.º aniversário da Convenção dos Direitos da Criança e o Dia Internacional dos Direitos da Criança, foi apresentado no auditório da Biblioteca Municipal José Mariano Gago, em Olhão, o projecto SER Mental, vocacionado para as crianças e adolescentes do concelho de Olhão e que conta com a parceria da Autarquia olhanense.

O SER Mental – Serviço Especializado em Rede para a Promoção da Saúde Mental na Infância e Adolescência é uma Iniciativa de Inovação e Empreendedorismo Social (IIES), desenvolvida pela Associação Movimento Juvenil em Olhão (MOJU), com a qual se pretende criar um serviço comunitário de intervenção especializada com base no trabalho de parceria. O seu principal objectivo é prevenir precocemente os factores de risco e promover a protecção da saúde mental na infância e adolescência no concelho de Olhão.

Elsa Parreira, vereadora da Câmara Municipal de Olhão com o pelouro da Saúde, presidiu aos trabalhos que decorreram esta tarde e que começaram com a mesa redonda “Saúde Mental na Infância e na Adolescência”. Para a autarca, que teve a seu lado responsáveis da Comissão de Proteção de Crianças e Jovens de Olhão, Centro de Saúde de Olhão e MOJU, é urgente estarmos atentos ao bem-estar das crianças: “Em Portugal, uma em cada cinco crianças vive em situação de pobreza. Parece-me que não avançámos assim tanto nos direitos das crianças nos últimos 30 anos”, realçou.

A vereadora e professora, que deseja que este projecto agora apresentado e que está a ser desenvolvido pela MOJU traga “benefícios concretos às crianças e jovens olhanenses em breve”, deixou a garantia: “O Município compromete-se a fazer a sua parte neste projeto e a incentivar os restantes intervenientes a darem o seu melhor, porque as nossas crianças e jovens merecem”.

O SER Mental é co-financiado pelo Portugal Inovação Social, CRESC Algarve, Portugal 2020 e Fundo Social Europeu, contando com cinco investidores sociais: Câmara Municipal de Olhão e juntas de freguesia do concelho. Teve início recentemente e termina em agosto 2022.

A iniciativa destina-se a jovens entre os 13 e os 21 anos, referenciados pelas entidades com competência em matéria de infância e juventude e identificados com problemas emocionais, sociais e de comportamento; famílias com pelo menos um filho (até aos 21 anos) que apresentem esses problemas, alunos do 3.º ciclo do ensino básico e secundário, pessoal docente e não docente, técnicos e/ou outros profissionais da comunidade e sociedade civil em geral.

Contempla actividades em quatro ações: SER Jovem, SER Família, SER Comunidade & Escola e SER Digital.

Comentários
PUB

Veja também

Mastro de São João 2016

Depois do enorme sucesso do ano passado, com a participação de centenas de pessoas, a …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

PUB